Zé Trovão vem à público e se manifesta sobre prisão decretada Zé Trovão vem à público e se manifesta sobre prisão decretada Zé Trovão vem à público e se manifesta sobre prisão decretada Pular para o conteúdo principal

Zé Trovão vem à público e se manifesta sobre prisão decretada

A declaração do deputado federal Zé Trovão (PL-SC) em vídeo, justificando a falta de pagamento de pensão alimentícia ao seu filho como um erro da Câmara dos Deputados, levanta várias questões sobre a transparência e a responsabilidade nos processos de cumprimento de decisões judiciais. Na sexta-feira, a Justiça de Joinville (SC) decretou sua prisão, embora o mandado ainda não tenha sido emitido.
Zé Trovão afirma que a Câmara dos Deputados é responsável por descontar a pensão alimentícia diretamente do seu salário e que qualquer erro no pagamento seria culpa da instituição. Essa alegação, se verdadeira, sugere uma falha administrativa significativa dentro da Câmara, que deve ser investigada e corrigida. Se houve um aumento na pensão determinado pelo juiz, é fundamental que essa informação seja comunicada de maneira clara e tempestiva à Câmara dos Deputados para que os ajustes necessários sejam feitos nos pagamentos.
A falha na comunicação entre o Judiciário e a Câmara pode ter gerado essa situação. Zé Trovão acusa a mãe de seu filho de buscar incessantemente mais dinheiro, além de destacar que já cobre despesas adicionais como aluguel e condomínio. Esta acusação desvia o foco do cumprimento das obrigações legais de pensão alimentícia e pode ser vista como uma tentativa de descredibilizar a outra parte. O deputado apresentou comprovantes de pagamento de despesas adicionais, o que pode ser relevante para demonstrar que ele está cumprindo com suas obrigações financeiras. No entanto, isso não substitui o cumprimento integral da pensão alimentícia estipulada judicialmente.
Zé Trovão criticou a mãe do seu filho por não se manifestar sobre a situação. No entanto, questões de pensão alimentícia são de natureza legal e devem ser resolvidas no âmbito judicial, onde ambas as partes têm a oportunidade de apresentar suas provas e argumentos. A situação apresentada por Zé Trovão destaca a importância da clareza e da eficiência nos processos administrativos e judiciais relacionados ao pagamento de pensão alimentícia. A falta de pagamento, independentemente da razão, afeta diretamente o bem-estar da criança envolvida. A responsabilidade última pelo cumprimento das obrigações legais recai sobre o devedor, que deve assegurar que todas as disposições judiciais sejam seguidas corretamente.
É essencial que o caso seja investigado minuciosamente para determinar onde ocorreram as falhas e assegurar que o pagamento de pensão seja regularizado conforme as determinações judiciais. Se houve erro da Câmara dos Deputados, medidas corretivas devem ser implementadas para evitar situações semelhantes no futuro.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado