“Brasil não voltará a ter superávit tão cedo”, alerta economista “Brasil não voltará a ter superávit tão cedo”, alerta economista “Brasil não voltará a ter superávit tão cedo”, alerta economista Pular para o conteúdo principal
;

“Brasil não voltará a ter superávit tão cedo”, alerta economista

A atual situação fiscal do Brasil, conforme discutido por economistas durante o 2° Seminário de Análise Conjuntural organizado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre-FGV) e pelo jornal O Estado de São Paulo, apresenta desafios significativos para o retorno do país ao superávit primário. Silvia Matos, coordenadora do Boletim Macro do Ibre-FGV, destacou a dificuldade em controlar os gastos públicos e aumentar as receitas, especialmente devido ao aumento expressivo do déficit da Previdência, que subiu de cerca de R$ 100 bilhões há dez anos para mais de R$ 300 bilhões. Os desafios mencionados por Matos incluem complexidades econômicas e políticas que dificultam o controle dos gastos e a obtenção de novas receitas. Esse cenário se agrava com as demandas crescentes por aumento dos gastos públicos, especialmente relacionados à transferência de renda. José Júlio Senna, chefe do Centro de Estudos Monetários do Ibre-FGV, acrescentou que o combate à inflação não pode ser uma responsabilidade exclusiva do Banco Central (BC). Ele enfatizou que os resultados seriam melhores se a política fiscal tivesse um direcionamento diferente. A política de gastos crescentes do governo e as incertezas quanto à nova composição da diretoria do BC, após a saída de Roberto Campos Neto em dezembro, limitam a capacidade do BC de controlar as expectativas de inflação. O economista Armando Castelar destacou a importância de uma transição cuidadosa na presidência do BC, alertando para o risco de se criar uma situação complicada em que a indicação de um novo presidente possa estar condicionada à concordância com a redução dos juros, o que poderia afetar negativamente o controle da inflação. Em resumo, o Brasil enfrenta um cenário fiscal desafiador, com dificuldades em equilibrar as contas públicas e controlar a inflação, exigindo uma abordagem cuidadosa e coordenada entre a política fiscal e monetária para enfrentar esses desafios.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado