Polícia descobre motivação por trás de ataque com ácido contra jovem Polícia descobre motivação por trás de ataque com ácido contra jovem Polícia descobre motivação por trás de ataque com ácido contra jovem Pular para o conteúdo principal
;

Polícia descobre motivação por trás de ataque com ácido contra jovem

Uma mulher de 22 anos foi presa pela Polícia Militar do Paraná suspeita de ter jogado ácido na jovem Isabelly Aparecida Ferreira Moro, de 23 anos. O ataque foi na cidade de Jacarezinho, na tarde de quarta-feira (22). A vítima está em estado grave na UTI do Hospital Universitário (HU) de Londrina, sedada e intubada. As informações são do g1.
Segundo a investigação, a motivação do crime seria ciúme do companheiro atual da suspeita, ex-namorado de Isabelly. O delegado do caso, Tristão Borborema, afirmou que a mulher, cuja identidade não foi revelada, já era tratada como suspeita e tinha um mandado de prisão preventiva em aberto desde quinta-feira (23), mas a informação não foi divulgada. O inquérito foi concluído como tentativa de homicídio com qualificadores de motivo fútil, emboscada, meio cruel, impossibilidade de defesa da vítima e uso de substância. O processo deve ser encaminhado ao Ministério Público do Paraná (MPPR), que pode ou não denunciar a presa. A mulher foi localizada no pátio de um hotel em Jacarezinho, após ela mesma chamar a polícia alegando estar sendo perseguida por quatro homens. Quando a Polícia Militar (PM) chegou lá, a mulher não deu detalhes da suposta perseguição. À PM, ela admitiu ter jogado o produto químico em Isabelly por ciúmes do companheiro. Ela foi levada à delegacia, onde confessou o crime e está presa preventivamente. Como a polícia chegou até a suspeita Segundo o delegado Tristão Borborema, a mulher passou a ser considerada suspeita após depoimentos coletados. A família da vítima citou que Isabelly teve brigas com o ex-namorado, preso por roubo agravado. Em seguida, a investigação obteve a informação que a atual companheira do homem não dormiu em casa no dia do ataque e também não buscou o filho na creche, como costumava fazer. Em paralelo, a PM teve acesso a um vídeo que mostra a pessoa que fez o ataque, usando uma peruca loira e roupas escuras. A avó da suspeita, que mora na mesma casa que ela, disse que a mulher apareceu com uma peruca loira antes do ataque. Ela reconheceu o item do vídeo obtido pela polícia. Com os indícios, os investigadores solicitaram a prisão preventiva dela na quinta-feira (23). O ataque foi na tarde dessa quarta-feira (22), quando Isabelly Aparecida Ferreira Moro caminhava em uma rua, voltando da academia. Segundo a Polícia Militar, ela teve queimaduras no rosto, peito e boca, e ainda ingeriu um pouco do ácido, o que agravou o quadro de saúde. A jovem pediu socorro a pessoas que estavam na rua e foi levada ao hospital por um barbeiro, que não a conhecia. Ele contou que a colocou no carro e a levou para receber atendimento. Na noite de quarta, ela foi transferida ao Hospital Universitário (HU) de Londrina, a cerca de 150 quilômetros de Jacarezinho. Segundo o hospital, ela está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Centro de Tratamento de Queimados. Isabelly está sedada e intubada, e o estado é considerado grave.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado