Olavo excluiu do testamento a sua filha esquerdista Olavo excluiu do testamento a sua filha esquerdista Olavo excluiu do testamento a sua filha esquerdista Pular para o conteúdo principal
;

Olavo excluiu do testamento a sua filha esquerdista

O escritor e filósofo Olavo de Carvalho, uma figura polarizadora na política brasileira, deixou a filha Heloísa de Carvalho fora de seu testamento, segundo informações divulgadas pelo colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo. A decisão, tomada após anos de divergências políticas e pessoais, destacou ainda mais a complexa dinâmica familiar do pensador conservador, que faleceu em 2022 aos 74 anos, devido a complicações da Covid-19.
Olavo de Carvalho, conhecido por suas opiniões contundentes e seu papel influente na ascensão do conservadorismo no Brasil, teve oito filhos. No entanto, foi sua relação conturbada com Heloísa, sua primogênita, que mais chamou a atenção do público. Heloísa, que se identifica com a esquerda e chegou a filiar-se ao Partido dos Trabalhadores (PT), foi a única dos filhos excluída da herança. Segundo o testamento, Olavo destinou duas residências nos Estados Unidos para Roxane de Carvalho, sua companheira de união estável por duas décadas. Roxane também ficou com 30% dos direitos autorais das obras do filósofo. Os filhos Leilah e Pedro Luiz, frutos do relacionamento com Roxane, receberam uma fatia maior da herança, incluindo 20% dos direitos autorais e percentuais sobre as residências. Já Maria Inês ficou com 0,5% das receitas das obras do pai, enquanto Luiz, Davi, Tales e Percival receberam 0,3% cada um. A exclusão de Heloísa do testamento foi um reflexo das desavenças profundas entre pai e filha. A relação entre eles deteriorou-se definitivamente em 2017, quando Olavo protocolou uma queixa-crime acusando Heloísa de fazer parte de uma organização criminosa ligada a partidos de esquerda, cujo objetivo seria destruir sua reputação. A ação foi arquivada, mas o episódio marcou um ponto sem retorno na já frágil relação. Heloísa de Carvalho, em resposta às ações e à figura de seu pai, publicou o livro "Meu Pai, o Guru do Presidente: a Face Ainda Oculta de Olavo de Carvalho". No livro, ela narra sua infância e faz uma série de acusações contra Olavo, incluindo alegações de ausência, falta de suporte educacional, poligamia e tentativas de converter a família ao islamismo. A publicação do livro intensificou ainda mais o distanciamento entre os dois. Após a morte de Olavo, em 2022, Heloísa buscou o direito de ser a inventariante dos bens e obras intelectuais do pai. No entanto, Roxane apresentou o testamento do ex-parceiro, que excluía Heloísa, e pediu o encerramento do processo movido pela primogênita. Roxane argumentou que não havia bens registrados por Olavo no Brasil, fortalecendo a validade do testamento apresentado. A decisão de Olavo de Carvalho de excluir Heloísa de seu testamento pode ser vista como um desfecho amargo de uma relação marcada por conflitos ideológicos e pessoais. O pensador conservador, que se tornou uma figura emblemática para muitos brasileiros, tanto admirado quanto criticado, deixa um legado complexo não apenas no cenário político, mas também em sua vida pessoal. A divisão de sua herança reflete suas escolhas e as consequências de suas ações ao longo dos anos. Roxane, com quem Olavo compartilhou grande parte de sua vida adulta, foi significativamente beneficiada, assim como os filhos mais próximos a ela. A decisão de Olavo em destinar maiores porcentagens dos direitos autorais e propriedades a alguns filhos em detrimento de outros evidencia as preferências e dinâmicas internas da família. Este episódio final na vida de Olavo de Carvalho ressalta a interseção entre suas convicções políticas e suas relações familiares. Para Heloísa, a exclusão do testamento é mais um capítulo em uma história de separação e confronto, marcada pela busca de identidade e reconhecimento em oposição às visões e ao legado de seu pai. A controvérsia em torno do testamento de Olavo de Carvalho continua a gerar debates, refletindo a polarização que ele próprio representava em vida. Enquanto alguns veem a exclusão de Heloísa como uma extensão de suas crenças políticas, outros a interpretam como um trágico reflexo das complexas relações humanas. Seja como for, o legado de Olavo de Carvalho permanece tão divisivo quanto sua influência sobre o pensamento político brasileiro.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado