Lula está mostrando que o Brasil teve sorte de ter Bolsonaro na pandemia Lula está mostrando que o Brasil teve sorte de ter Bolsonaro na pandemia Lula está mostrando que o Brasil teve sorte de ter Bolsonaro na pandemia Pular para o conteúdo principal
;

Lula está mostrando que o Brasil teve sorte de ter Bolsonaro na pandemia

 

O deputado federal Eduardo Bolsonaro, do Partido Liberal de São Paulo, causou polêmica ao afirmar que o Brasil teve "sorte" por ter Jair Bolsonaro como presidente durante a pandemia de covid-19. Além disso, ele criticou a resposta do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores, às enchentes que assolam o estado do Rio Grande do Sul. As declarações foram feitas em uma publicação na rede social X (ex-Twitter), provocando reações diversas na opinião pública e no meio político.
O parlamentar manifestou sua opinião em uma postagem realizada nesta segunda-feira, dia 13 de maio de 2024, onde expressou sua visão sobre a atuação dos presidentes Jair Bolsonaro e Luiz Inácio Lula da Silva diante de crises enfrentadas pelo Brasil. "Alguns me dizem com tristeza 'Eduardo, o presidente Bolsonaro teve azar enfrentando uma pandemia'. Ao ver a resposta de Lula agora sobre o caso do RS, eu penso: Na verdade, tivemos foi sorte!", afirmou o deputado em sua publicação. Eduardo Bolsonaro foi enfático ao questionar como seria a situação do país se Lula estivesse no comando durante a pandemia de covid-19, insinuando que a gestão de seu pai, Jair Bolsonaro, foi mais eficiente. "Imagine o que seria do Brasil e dos brasileiros com Lula liderando-o durante a pandemia!", destacou o congressista em seu comentário, gerando reações intensas na internet e nos meios políticos. As críticas de Eduardo Bolsonaro surgem em meio à grave crise provocada pelas enchentes que assolam o estado do Rio Grande do Sul. Segundo informações divulgadas pela Defesa Civil às 9h desta segunda-feira, o número de óbitos no estado já alcançou 147, com milhares de desabrigados, desaparecidos e feridos. A magnitude da tragédia mobilizou autoridades e a população gaúcha, demandando uma resposta efetiva por parte do governo. A resposta de Eduardo Bolsonaro provocou reações diversas na sociedade, com muitos apoiadores do presidente Jair Bolsonaro concordando com suas declarações, enquanto críticos e opositores acusaram-no de politizar a tragédia e desmerecer os esforços de outros líderes políticos. A discussão sobre a atuação dos governantes em momentos de crise ressalta a polarização política que ainda permeia o cenário brasileiro, refletindo-se nas redes sociais e na opinião pública. Enquanto isso, as autoridades continuam mobilizadas no socorro às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul, com equipes de resgate trabalhando incansavelmente para salvar vidas e prestar assistência às comunidades afetadas. O desafio é imenso, mas a solidariedade e a união dos brasileiros são fundamentais para superar essa adversidade e reconstruir o estado diante da tragédia.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado