Empréstimo do BRICS anunciado por Dilma foi negociado no governo Bolsonaro Empréstimo do BRICS anunciado por Dilma foi negociado no governo Bolsonaro Empréstimo do BRICS anunciado por Dilma foi negociado no governo Bolsonaro Pular para o conteúdo principal
;

Empréstimo do BRICS anunciado por Dilma foi negociado no governo Bolsonaro

O crédito do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), também conhecido como Banco dos Brics, anunciado por Dilma Rousseff ao Rio Grande do Sul, foi aprovado durante o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro. A informação foi divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo, nesta quinta-feira, 16. O Estado enfrenta uma tragédia climática que já deixou mais de 150 mortos. Recentemente, a petista tentou mostrar proatividade em Xangai, sede do NBD. Em publicação no Twitter/X, compartilhada pelo perfil oficial do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Dilma Rousseff anunciou a “liberação” de seis operações de crédito do banco, totalizando US$ 1,1 bilhão (R$ 5,7 bilhões) destinados à reconstrução do Estado. O post inclui um vídeo de Dilma comentando o assunto e uma tabela com detalhes sobre as instituições financeiras que receberão o crédito, as áreas beneficiadas e os valores alocados. Embora a ex-presidente tenha apresentado a “liberação” dos empréstimos como uma conquista pessoal, investigações do Estadão descobriram que quatro das seis operações já haviam sido aprovadas antes de sua nomeação à liderança do NDB, em março de 2023. As operações com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco do Brasil e Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), que totalizam US$ 620 milhões (R$ 3,2 bilhões), foram planejadas e aprovadas entre 2020 e 2022, sob a gestão de Marcos Troyjo, então presidente da instituição. Uma quinta operação, no valor de US$ 295 milhões (R$ 1,52 bilhão), destinada ao BRDE, não consta na lista de projetos em elaboração ou já aprovados pelo NDB. A sexta operação, de US$ 200 milhões (R$ 1,03 bilhão), tem como banco captador o próprio NDB, sugerindo que a instituição estaria emprestando dinheiro a si mesma. Dilma Rousseff é presidente do Banco dos Brics O processo de prospecção, elaboração e aprovação de projetos pelo NDB — criado em 2014 por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul com o propósito de financiar projetos de desenvolvimento sustentável e infraestrutura — é complexo e demorado, similar ao de outros bancos multilaterais. Dilma Rousseff é presidente da instituição desde março de 2023. No Brasil, isso envolve análise técnica e financeira e a exigência de garantias do Tesouro Nacional, conhecidas como garantia soberana. Depois da aprovação do crédito pelo NDB, ainda é necessário o aval do Senado, para o qual são encaminhados os projetos de todos os bancos multilaterais. Embora seja possível que, durante sua gestão no NDB, Dilma Rousseff consiga aprovar novos projetos que atendam às necessidades do Brasil, especialmente do Rio Grande do Sul, e obtenham o aval do Senado para a concessão dos empréstimos, isso ainda não ocorreu.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado