Advogado é assassinado com 23 tiros na frente do fórum Advogado é assassinado com 23 tiros na frente do fórum Advogado é assassinado com 23 tiros na frente do fórum Pular para o conteúdo principal
;

Advogado é assassinado com 23 tiros na frente do fórum

Um crime chocante abalou a cidade de Ibirité, na região metropolitana de Belo Horizonte. O advogado criminalista Pedro Cassimiro Queiroz Mendonça, de 40 anos, foi brutalmente assassinado com 23 tiros em frente ao Fórum local. O suspeito fugiu de carro e ainda não existem informações que possam revelar a motivação do assassinato.
Pedro deixa um filho de 6 anos. O advogado Gleison de Oliveira, sócio da vítima, disse que não imagina o que pode ter motivado o crime. "A gente desconhece qualquer fato ou processo que ele tem no escritório que pode ter gerado isso, uma vez que os processos estavam todos normais, tudo tranquilo, não teve nenhuma grande sentença. A gente não tem notícia de uma ameaça, uma desavença, nada disso. O que deixa a gente mais triste é que o Pedro é uma pessoa muito querida por todos". Em nota, a OAB Subseção Ibirité lamentou a morte do advogado. "A advocacia de Ibirité está em luto em razão do assassinato de nosso colega advogado criminalista, Dr. Pedro Cassimiro Queiroz Mendonça. A OAB Ibirité e a Seccional Mineira estarão acompanhando todo o ocorrido junto aos familiares e prestando os devidos auxílios. Nossos profundos e sinceros sentimentos aos familiares e amigos. Que Deus o acolha e conforte seus amigos e familiares. A OAB Subseção Ibirité presta condolências e solidariedade, neste momento de dor." O caso gerou grande comoção entre os colegas de profissão e na comunidade local, destacando a insegurança enfrentada por advogados que trabalham em áreas delicadas do direito. As autoridades estão investigando o crime e a OAB tem pressionado por respostas rápidas para esclarecer o ocorrido e garantir justiça.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado