Moraes derrubou contas a pedido de Alexandre de Moraes Moraes derrubou contas a pedido de Alexandre de Moraes Moraes derrubou contas a pedido de Alexandre de Moraes Pular para o conteúdo principal
;

Moraes derrubou contas a pedido de Alexandre de Moraes

Uma análise conduzida por uma comissão do Congresso dos Estados Unidos revela que o ministro Alexandre de Moraes derrubou diversas contas nas redes sociais e ordenou a exclusão de conteúdos da internet, baseando-se em solicitações de um órgão presidido por ele próprio após assumir a presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
O relatório do colegiado legislativo americano expõe várias decisões do magistrado, obtidas após uma intimação parlamentar direcionada ao X, antigo Twitter, liderado pelo bilionário Elon Musk, que recentemente esteve em confronto público com o ministro. No Brasil, a Assessoria Especial de Enfrentamento à Desinformação foi estabelecida durante a gestão do ministro Edson Fachin, em 2022, com o delegado da Polícia Federal José Fernando Chuy nomeado para liderar o setor. Desde então, órgão passou a atuar com a responsabilidade de monitorar as redes sociais, identificar publicações consideradas ‘irregulares’ e encaminhar os casos para avaliação de Moraes, que então determinava a remoção imediata dos conteúdos. Além disso, é dito que trabalho da assessoria impulsionou investigações do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a disseminação de fake news e uma suposta tentativa de golpe de Estado envolvendo o ex-presidente Jair Bolsonaro e seus aliados. Os documentos anexados ao relatório divulgado nos Estados Unidos também revelam que o ministro tomou ao menos uma decisão no STF com base nas ações do órgão do TSE, além de encaminhar casos da corte eleitoral para inquéritos do Supremo sob sua relatoria. Sob a presidência de Jim Jordan, o comitê sustenta o documento intitulado lO ataque à liberdade de expressão no exterior e o silêncio da administração Biden: o caso do Brasil”. O material destaca que a crescente censura no Brasil, bem como em outros países como Canadá e França, deveria ser motivo de preocupação para os Estados Unidos. O documento menciona que em 2019, o STF concedeu a si mesmo “novos poderes para ‘atuar como investigador, promotor e juiz’ ao mesmo tempo em alguns casos”. Alega ainda que Moraes, munido deste “novo e extraordinário poder”, teria atacado críticos tanto da direita quanto da esquerda. Enumerando uma série de medidas tomadas por Moraes, o relatório retrata o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e seus apoiadores como vítimas do judiciário brasileiro. Além disso, menciona o conflito entre o X e o ministro. O comitê insta o Congresso dos EUA a reagir contra a censura promovida tanto pelo governo do democrata Joe Biden quanto pelo STF brasileiro A informação é do Conexão Política.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado