Bolsonaro será investigado mais uma vez após pedido da PGR Bolsonaro será investigado mais uma vez após pedido da PGR Bolsonaro será investigado mais uma vez após pedido da PGR Pular para o conteúdo principal
;

Bolsonaro será investigado mais uma vez após pedido da PGR

O Procurador-Geral da República, Paulo Gonet Branco, solicitou ao Supremo Tribunal Federal (STF) que intensificasse as investigações sobre a falsificação de certificados de vacinação contra a Covid, supostamente perpetrada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro e seus aliados. Após o indiciamento pela Polícia Federal, que acusou Bolsonaro, o tenente-coronel Mauro Cid e outras 15 pessoas de crimes como associação criminosa e inserção de dados falsos em sistemas de informação, Gonet pediu novas diligências. Esse pedido deve ser avaliado pelo relator do caso no STF, o ministro Alexandre de Moraes. No requerimento, Gonet ressaltou a importância de reunir mais evidências relacionadas à adulteração dos cartões de vacinação. Os investigadores suspeitam que o esquema de fraude tenha sido utilizado para fornecer documentos falsificados aos membros do grupo, possibilitando que eles cumprissem os requisitos legais para entrada e permanência no exterior. Isso teria ocorrido após uma tentativa inicial de golpe de Estado, seguida por outra em janeiro de 2023. Além disso, os investigadores estão aguardando informações do governo dos Estados Unidos para verificar se o grupo se valeu dos registros falsos para entrar no país durante a pandemia, quando a vacinação era obrigatória. Para complementar o contexto, é importante destacar que as acusações de falsificação de certificados de vacinação têm gerado grande repercussão no país, alimentando debates sobre a responsabilidade de autoridades públicas e o respeito às medidas sanitárias durante a pandemia. O caso também levantou questionamentos sobre a integridade do processo democrático e a gravidade de possíveis tentativas de subverter a ordem institucional. Ademais, é válido destacar que as acusações contra Bolsonaro e seus aliados são amplamente contestadas por seus apoiadores, que veem nelas uma tentativa de deslegitimar seu governo e minar sua liderança política. Muitos defendem que tais acusações são infundadas e têm motivação puramente política, buscando prejudicar o legado do ex-presidente e minar o apoio popular que ele ainda desfruta. Além disso, é necessário considerar o contexto político em que essas acusações surgem, marcado por uma polarização intensa e por interesses divergentes. Em meio a uma disputa ideológica acirrada, é natural que figuras públicas enfrentem críticas e sejam alvo de investigações questionáveis. Nesse sentido, é fundamental garantir que o devido processo legal seja seguido e que todas as partes envolvidas tenham direito a uma defesa justa e imparcial.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado