Lauro Jardim faz ataque covarde a Silas Malafaia e pastor não perdoa Lauro Jardim faz ataque covarde a Silas Malafaia e pastor não perdoa Lauro Jardim faz ataque covarde a Silas Malafaia e pastor não perdoa Pular para o conteúdo principal
;

Lauro Jardim faz ataque covarde a Silas Malafaia e pastor não perdoa

O colunista do jornal do O Globo, Lauro Jardim, fez um ataque rasteiro contra o pastor Silas Malafaia. Em artigo, ele afirmou que, segundo o Disque Denúncia, um segurança de Domingos Brazão - acusado de ser mandante do assassinato de Marielle Franco - recebia pagamentos da milícia dentro de uma igreja de Silas Malafaia.
O pastor não perdoou: "JORNALISMO CANALHA DE LAURO JARDIM DE O GLOBO! Como é feito o jornalismo bandido para incriminar e denegrir pessoas. Segundo o disque denúncia, Brazão recebia dinheiro de milícia em igreja de Malafaia. Só pode ser piada! Qualquer um pode falar o que bem entende no disque denúncia. PROVE! Sou odiado por muitos devidos minhas posições contra essa cambada da esquerda. Sou pastor de mais de 60 igrejas na cidade do RJ, nunca soube que Brasão visitou qualquer uma delas. JORNALISMO CRETINO DE O GLOBO. BANDIDOS!"   A postura do jornalista Lauro Jardim, ao citar informações do Disque Denúncia sem comprovação, foi precipitada e irresponsável. Ao fazer acusações graves sem apresentar evidências sólidas, ele coloca em xeque a credibilidade do seu trabalho e abre espaço para interpretações enviesadas. O jornalismo deve primar pela apuração rigorosa dos fatos e pela imparcialidade, evitando propagar informações que possam prejudicar a reputação de pessoas sem uma base concreta. Neste caso, a atitude de Jardim parece ter sido sensacionalista e pouco ética, contribuindo para o clima de desinformação e polarização que já é tão presente na mídia brasileira.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado