Casal Bolsonaro ingressam com ação contra o ‘caluniador’ Lula Casal Bolsonaro ingressam com ação contra o ‘caluniador’ Lula Casal Bolsonaro ingressam com ação contra o ‘caluniador’ Lula Pular para o conteúdo principal
;

Casal Bolsonaro ingressam com ação contra o ‘caluniador’ Lula

Bolsonaro e Michelle processam Lula por acusações sobre desaparecimento de móveis do Palácio da Alvorada
O ex-presidente Jair Bolsonaro e sua esposa, Michelle Bolsonaro, deram entrada em uma ação judicial contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, buscando indenização por danos morais e uma retratação pública. O processo foi motivado pelas declarações de Lula sobre o suposto desaparecimento de móveis do Palácio da Alvorada, a residência oficial dos presidentes do Brasil. A decisão de processar Lula veio à tona após o próprio governo divulgar uma nota oficial confirmando a localização de 261 itens que Lula alegava estar faltando ou que teriam sido retirados por Bolsonaro ao final de seu mandato. Desde os primeiros dias de seu novo mandato, Lula fez diversas declarações em entrevistas, redes sociais oficiais do governo e na imprensa, apontando a ausência de sofás, camas e outros móveis do palácio presidencial. A primeira-dama, conhecida como Janja, chegou a conceder entrevistas, abrindo as portas do Alvorada para mostrar itens danificados ou ausentes. Essa troca de acusações e ação legal evidenciam a tensão política persistente no Brasil. As disputas entre as principais figuras políticas do país continuam a influenciar o cenário nacional, mesmo após mudanças de governo. O advogado da família Bolsonaro declarou que as acusações de Lula são infundadas e difamatórias, afirmando que a ação judicial visa proteger a honra e a reputação de seus clientes. Eles exigem uma retratação pública de Lula e uma compensação financeira pelos danos morais causados. Por sua vez, a equipe jurídica de Lula defende a veracidade das declarações feitas pelo ex-presidente e ressalta a importância de se investigar o paradeiro dos móveis desaparecidos do Palácio da Alvorada. Eles afirmam que a ação movida por Bolsonaro e Michelle é uma tentativa de intimidar e silenciar opositores políticos. A batalha legal entre essas figuras proeminentes da política brasileira está gerando intensos debates nas redes sociais e na opinião pública. Enquanto os apoiadores de Bolsonaro condenam as acusações de Lula como uma tentativa de difamação, os partidários do ex-presidente veem o processo como uma manobra para encobrir possíveis irregularidades durante o governo anterior. Além disso, a controvérsia está dividindo opiniões sobre o papel dos ex-presidentes na política nacional e levantando questões sobre a transparência e a prestação de contas dos líderes políticos. A população brasileira está cada vez mais polarizada em relação às disputas políticas, o que pode ter impactos significativos nas próximas eleições e na estabilidade democrática do país. Enquanto isso, Lula, Bolsonaro e Michelle seguem em meio a uma batalha legal que promete prolongar-se nos tribunais, mantendo a atenção da mídia e do público voltada para as controvérsias políticas que continuam a moldar o panorama do Brasil.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado