Acareação Requisitada: Militares que Optaram pelo Silêncio na PF Querem Confrontar Freire Gomes e Baptista Júnior" Acareação Requisitada: Militares que Optaram pelo Silêncio na PF Querem Confrontar Freire Gomes e Baptista Júnior" Acareação Requisitada: Militares que Optaram pelo Silêncio na PF Querem Confrontar Freire Gomes e Baptista Júnior" Pular para o conteúdo principal
;

Acareação Requisitada: Militares que Optaram pelo Silêncio na PF Querem Confrontar Freire Gomes e Baptista Júnior"

Militares envolvidos no inquérito sobre o suposto golpe e que até agora optaram pelo silêncio planejam um confronto de versões em relação aos depoimentos dos ex-comandantes Freire Gomes (Exército) e Carlos de Almeida Baptista Junior (Aeronáutica). A informação é do O Globo Um dos alvos que indicaram a intenção de seguir por esse caminho é o ex-chefe da Marinha, Almir Garnier Santos. De acordo com os relatos de Freire Gomes e Baptista Junior, ele foi o único dos comandantes das Forças Armadas a concordar com a suposta proposta de um suposto golpe de do ex presidente Jair Bolsonaro e afirmou que “colocaria suas tropas à disposição”. Garnier permaneceu em silêncio durante os interrogatórios conduzidos pela Polícia Federal no mês passado. Agora, planeja solicitar à sua defesa que marque um novo interrogatório para apresentar sua versão dos fatos. O general relatou à PF que Bolsonaro apresentou uma versão do documento em outro encontro, incluindo a “Decretação do Estado de Defesa” e a criação da “Comissão de Regularidade Eleitoral”, destinada a “apurar a conformidade e legalidade do processo eleitoral”. Segundo Freire Gomes, Garnier e o então ministro da Defesa, general Paulo Sérgio Nogueira, estavam presentes. Nogueira, outro investigado, também indicou a aliados sua intenção de pedir um novo interrogatório à PF para confrontar as versões apresentadas até o momento, após manter silêncio na primeira intimação da PF. Tanto Freire Gomes quanto Baptista Junior detalharam, em seus depoimentos, que Nogueira conduziu uma reunião na sede do Ministério da Defesa, em 14 de dezembro de 2022, sem a presença de Bolsonaro. Durante o encontro, Nogueira teria apresentado uma minuta de decreto. O chefe da Aeronáutica relatou que, na reunião, Nogueira mencionou que tinha uma minuta e que gostaria de mostrá-la. Baptista Junior então questionou: “Este documento prevê a não posse do novo presidente eleito?”. Segundo o brigadeiro, o ministro da Defesa ficou em silêncio, e ele e Freire Gomes se recusaram a analisar o conteúdo da minuta. Os investigadores afirmaram que, se os alvos solicitarem novos depoimentos, os pedidos serão analisados, mas ressaltaram que atualmente não há interesse, pois eles já tiveram oportunidade de se manifestar.

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado