Estranhamente após Bolsonaro falar em traíra, Mauro Cid deverá ser promovido a Coronel Estranhamente após Bolsonaro falar em traíra, Mauro Cid deverá ser promovido a Coronel Estranhamente após Bolsonaro falar em traíra, Mauro Cid deverá ser promovido a Coronel Pular para o conteúdo principal
;

Estranhamente após Bolsonaro falar em traíra, Mauro Cid deverá ser promovido a Coronel

Desde setembro do ano passado, o tenente-coronel Mauro Cid, ex-adjudante de ordens de Jair Bolsonaro (PL), encontra-se sem função no Exército devido ao seu envolvimento em investigações da Polícia Federal (PF). Contudo, há a possibilidade de que seja promovido a coronel no próximo mês de abril.


Internamente, Cid preenche todos os requisitos para a promoção e é considerado “primeiro de turma”, uma referência aos alunos que obtiveram as melhores notas ao longo de sua formação. 

Essa conquista o habilitaria a receber mais uma estrela em seu uniforme, a última antes de alcançar a patente de general. Com a promoção, seu salário, somado a gratificações e adicionais, poderá atingir a marca de R$ 30 mil brutos.

De acordo com as normas da corporação, a única condição que poderia impedir a promoção de Cid seria tornar-se réu na Justiça. Isso implicaria na apresentação de denúncia pelo Ministério Público Federal (MPF) e na aceitação pela instância judicial. 

Contudo, fontes familiarizadas com as investigações indicam que esse cenário não deve se concretizar antes de abril, permitindo que Cid tenha o caminho livre para sua promoção

Cid, que foi libertado em setembro após passar quatro meses detido, está sujeito a diversas medidas restritivas, incluindo o uso de tornozeleira eletrônica e a proibição de contato com outros investigados. 

Ele é alvo de investigações relacionadas à venda de joias recebidas pelo ex-presidente, falsificação de cartões de vacina e organização de uma transmissão ao vivo na qual Bolsonaro fez críticas ao sistema eleitoral.

Os critérios e procedimentos para a promoção de oficiais nas Forças Armadas seguem as disposições de uma lei datada de 1972, elaborada durante o regime militar e sancionada pelo então presidente Emílio Médici. 

A Comissão de Promoção de Oficiais, composta por 18 generais e presidida pelo chefe do Estado-Maior do Exército, analisa pelo menos nove critérios fundamentais, como rendimento escolar, desempenho em cargos ocupados e habilidades de chefia e liderança. O decreto que regulamenta as promoções é de 2001, período em que o presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) implementava medidas restritivas orçamentárias e revisões nos benefícios concedidos aos militares.

Com informações de CNN Brasil

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado