Governo Petista na Bahia Decide Banir Pistolas d'Água para Garantir Paz no Carnaval "atos machistas e misóginos” Governo Petista na Bahia Decide Banir Pistolas d'Água para Garantir Paz no Carnaval "atos machistas e misóginos” Governo Petista na Bahia Decide Banir Pistolas d'Água para Garantir Paz no Carnaval "atos machistas e misóginos” Pular para o conteúdo principal
;

Governo Petista na Bahia Decide Banir Pistolas d'Água para Garantir Paz no Carnaval "atos machistas e misóginos”

O governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT), decretou e está valendo, desde esta segunda-feira, 29: pistolas d’água estão proibidas durante o Carnaval no estado. A Polícia Militar irá apreender qualquer “simulacro” encontrado nas festas, uma das maiores do país.

O texto foi assinado pelo petista com alguma fanfarra e festa pública. Em suas redes sociais, o governador alegou que o objetivo principal é prevenir a violência…de gênero. “A lei chega para garantir a segurança e o bem-estar de todas as pessoas, coibindo atos machistas e misóginos”, justificou em suas redes sociais.

Pelo decreto, caberá aos blocos repelir o uso dos artefatos, com o uso de “campanhas educativas e adoção de penalidades aos infratores”. Além disso, autoridades de fiscalização e mesmo a Polícia Militar estarão responsáveis por averiguar se os foliões seguirão as regras pelos muitos dias de festa.

A medida parece até uma piada de mau gosto diante da grave crise de segurança pública no estado — que é o mais violento do país há quase uma década. Comandado há 17 anos por seguidos governos do PT (antes de Jerônimo, Rui Costa e Jaques Wagner tiveram dois mandatos cada), o estado viu os números de homicídios e mortes violentas dispararem, a ponto de ultrapassar mesmo o Rio de Janeiro.

Como a Crusoé já revelou em agosto do ano passado, os seguidos pacotes de segurança lançados pelo Ministério da Justiça de Flávio Dino não indicaram nenhum efeito na violência endêmica de Salvador e cidades no Recôncavo baiano.

Além disso, erros em sequência na condução da política de segurança pública no estado tornaram a situação insustentável mesmo para quem atua na segurança pública. Nenhuma polícia estadual mata mais e nenhum estado tem tantas mortes violentas em tantos estratos da sociedade como a Bahia.

Hoje, de acordo com o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, as quatro cidades mais violentas do país estão na Bahia — pela ordem: Jequié, Santo Antônio de Jesus, Simões Filho e Camaçari. Das 10 primeiras, seis estão no estado. Das 25 primeiras, 12 são baianas. Em paralelo, o número de mortes após intervenções policiais no estado aumentou 9,6%. Pela lógica, a polícia se tornou mais letal e menos eficaz, uma vez que os baianos não se sentem mais seguros após 1.464 mortes em operações.

Mas as pistolas d’água estão proibidas.

Cruzoé

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado