Cissa Guimarães receberá salário astronômico para apresentar programa na “TV do Lula" Cissa Guimarães receberá salário astronômico para apresentar programa na “TV do Lula" Cissa Guimarães receberá salário astronômico para apresentar programa na “TV do Lula" Pular para o conteúdo principal
;

Cissa Guimarães receberá salário astronômico para apresentar programa na “TV do Lula"

A apresentadora e atriz Cissa Guimarães receberá R$ 840 mil do governo Lula para apresentar o programa “Sem Censura’, da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), por 12 meses. O valor equivale a um salário mensal de R$ 70 mil. A escolha de Cissa Guimarães para comandar a atração, que reestreia na TV Brasil em 26 de fevereiro, ocorreu sem concorrência, via inexigibilidade de licitação.

Procurada pela coluna, a EBC disse que a contratação ocorreu em conformidade com o previsto na Lei das Estatais e no Regulamento Interno de Licitações e Contratos. Na eleição de 2022, Cissa Guimarães foi uma das artistas a gravar um jingle para a campanha do então candidato Lula à Presidência.

No total, a EBC desembolsará R$ 5 milhões para contratar a Fábrica Entretenimento e Participações e pôr no ar o Sem Censura comandado por Cissa Guimarães. Esse valor é referente ao período de 13 meses, incluindo um mês de pré-produção do qual a apresentadora não participou.

Ao assinar com a empresa, o governo determinou que o serviço de apresentação do Sem Censura será “prestado exclusivamente por meio da profissional interveniente na relação contratual, artista e apresentadora Cissa Guimarães”.

Além do valor destinado a Cissa Guimarães, a EBC também definiu como o restante da verba deverá ser usado: R$ 956 mil na rubrica “serviços de conteúdo”; R$ 679 mil na de “serviços de criação; R$ 744 mil para “serviços de apresentação”; R$ 720 mil para “serviços de direção artística”; e R$ 1 milhão para taxas e imposto do projeto.

De acordo com o contrato, o governo repassará à produtora exatos R$ 4.991.570,25 para manter atração no ar até 22 de fevereiro de 2025.

Com longa carreira na TV Globo, na qual fez sucesso em atrações como Vídeo Show, Cissa Guimarães foi demitida em 2021, após 46 anos atuando na emissora.

Em vídeo divulgado pela nas redes da TV Brasil, da EBC e de Cissa, a apresentadora comemorou a nova etapa profissional.

“Gente, sou eu! Eu aqui sentadinha no meu cenário, do novo Sem Censura, que eu estou amando, estou apaixonada. Vocês viram que cenário mais lindo? Olha aqui a minha mesa, aqui são os convidados que virão, os comentaristas.

O estúdio está um espetáculo, vocês vão amar. Eu estou tão feliz, tão empolgada que eu não vou contar mais nada para vocês. Vocês vão ter que ver o programa. Um beijo! Olha a Cissinha totalmente sem censura.”

Posição do governo

Procurada pela coluna, a Empresa Brasil de Comunicação se manifestou sobre o contrato envolvendo o Sem Censura.

“Em relação à Cissa Guimarães, destacamos que sua experiência para o programa Sem Censura da TV Brasil representa uma medida estratégica sólida, alinhada aos objetivos de audiência e relevância do programa, bem como ao cumprimento da missão institucional da EBC, com foco na relevância e no dever de disponibilizar ao cidadão um programa de qualidade.

Trazendo elementos como: carisma e reconhecimento público, experiência e competência técnica, identificação com a missão da EBC de fornecer conteúdo de alta qualidade e relevante, fidelização de audiência e credibilidade e reputação.”

Sobre os gastos com a produtora, a EBC informou:

“A contratação da empresa ‘A Fábrica Entretenimento e Participações’ pela EBC, no valor de R$ 4.991.570,25, ocorreu por meio de inexigibilidade de licitação, conforme previsto na Lei das Estatais e no Regulamento Interno de Licitações e Contratos da EBC.

O enquadramento legal específico relaciona-se a serviços conexos à produção de obras audiovisuais, especificamente Prestação de Serviços de Direção Artística, Serviços de Conteúdo e Serviços de Criação, de forma indissociável aos Serviços de Apresentação da atração pelo período de 13 meses, sendo que o primeiro mês foi destinado ao desenvolvimento e pré-produção, enquanto os demais 12 meses contemplaram as transmissões dos programas ao vivo e gravados. Este prazo totalizou 260 episódios inéditos do programa ‘Sem Censura’, apresentado por Cissa Guimarães.

O orçamento distribuído para os serviços contratados foi de R$ 4.991.570,25, refletindo o custo total do projeto de produção. Essa alocação de recursos abrange diversas etapas, desde o desenvolvimento até a realização dos episódios, assegurando a qualidade e continuidade do programa ao longo do período contratual.

Dessa forma, a contratação foi realizada em conformidade com as normativas legais aplicáveis e considerou as especificidades do projeto de produção do programa ‘Sem Censura’.”

Coluna Paulo Capelli – Metrópoles

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado