Trans abraçada por Drauzio Varella é presa na saidinha de Natal Trans abraçada por Drauzio Varella é presa na saidinha de Natal Trans abraçada por Drauzio Varella é presa na saidinha de Natal Pular para o conteúdo principal

Trans abraçada por Drauzio Varella é presa na saidinha de Natal

A transexual Suzy Oliveira, que ganhou fama por receber um abraço do médico Drauzio Varella, foi presa neste domingo, 23, por descumprir as regras da saída temporária. Oeste confirmou a detenção junto à Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP).

A Polícia Militar (PM) prendeu Suzy na República, no centro da capital paulista. Para seguir com a liberdade temporária, a trans deveria permanecer em sua cidade de origem. A SSP informou que os agentes a reconduziram ao Presídio de Guarulhos.

A operação, que contou com a parceria do Centro de Operações da Polícia Militar de São Paulo (Copom) e do Centros de Monitoramento da SAP, tem o objetivo de prender os criminosos que descumprem as regras da saída temporária. Desde a sexta-feira 22, a PM reconduziu pelo menos 90 bandidos aos presídios.

Quem é Suzy, trans abraçada por Drauzio Varella

No primeiro domingo de março de 2020, o Fantástico, da TV Globo, exibiu uma reportagem em que Drauzio Varella contou a vida das mulheres trans no presídio.

Na ocasião, o médico se comoveu com a história da transexual Suzy Oliveira e deu um abraço nela. A mulher trans disse a Drauzio Varella que não recebia uma visita na penitenciária, em Guarulhos (SP), havia oito anos. Porém, dias depois, veio à tona o motivo de sua prisão: estupro e assassinato de um menino de 9 anos.

A trans abraçada por Drauzio chegou a receber 234 cartas até a primeira sexta-feira de março de 2020, apenas cinco dias depois da exibição da reportagem do Fantástico.

Depois da exibição da reportagem, o pai da criança vítima de Suzy processou Drauzio e a Globo. Mas, em 2022, o médico e a emissora foram livrados na segunda instância da Justiça de pagar R$ 150 mil de indenização à família.

“O erro foi meu, totalmente meu”, disse Drauzio, ao portal UOL. “Trabalho em cadeia há mais de 30 anos e nunca na minha vida abracei um preso. Não faz parte do relacionamento que tenho com eles.”

O médico contou que aprendeu com carcereiros mais velhos que não se pergunta a um presidiário o que ele fez. Portanto, disse que não sabia o que Suzy tinha feito.

“Me comovi com aquela pessoa, que me olhou de um jeito tão desprotegido, tão triste, que me deu vontade de dar um abraço nela, que não fazia parte do script nenhum, nem caberia”, disse o médico.

Pedido de desculpas

Depois da repercussão do caso, Drauzio Varella pediu desculpas à família da criança. “Estou aqui para dar uma satisfação para todos aqueles que me acompanham”, disse o médico, em vídeo divulgado no YouTube. 

“No último domingo, 8, foi revelado para o país, inclusive para mim mesmo, o crime cometido por uma das entrevistadas na matéria que apresentei no Fantástico, no dia 1º de março. É um crime que choca a todos nós. Posso imaginar a dor e peço desculpas a família do menino que foi involuntariamente envolvida no caso.”

Fonte: Revista Oeste.
VOCÊ PODE NOS AJUDAR COM DOAÇÕES DE QUALQUER VALOR ATRAVÉS DO PIX:EMAIL:JORNALDADIREITAONLINE@OUTLOOK.COM

Postagens mais visitadas deste blog

Gigante atacadista fechará suas últimas 24 lojas e encerrará suas atividades no Brasil

A rede atacadista Makro encerrará suas atividades no Brasil, fechando as últimas 24 lojas ainda em atividade no país. Foram 50 anos de história em solo brasileiro, ultrapassando a marca de 50 lojas espalhadas por vários estados. Nos últimos anos, a empresa repassou 30 lojas para o Atacadão, captando R$ 1,95 bilhão com a venda. Agora, a empresa contratou o Santander para encontrar um comprador para as lojas remanescentes e espera obter R$ 2 bilhões, de acordo com o Estadão. A rede Makro é administrada pelo grupo holandês SHV que desistiu de competir com outras redes atacadistas disponíveis no Brasil. Além desta razão, segundo a reportagem, é que a matriz já deixou de atuar como varejista na Europa há mais de 20 anos e também está encerrando suas lojas na Ásia e na África. Pleno News

Homem interrompe Globo ao vivo em velório de crianças em Blumenau: “Sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês, vagabundos”; ASSISTA AO VÍDEO

O velório das quatro crianças que morreram no ataque à creche em Blumenau ocorre ao longo desta quinta-feira (6), na cidade catarinense.  Durante uma entrada ao vivo do repórter Felipe Sales na TV Globo em frente ao cemitério, um homem interrompeu a transmissão. “O sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês, seus vagabundos”, disse, batendo palmas ao lado do repórter. Homem interrompe Globo ao vivo em velório de crianças em Blumenau e dispara: ‘Sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês’ #GloboLixo pic.twitter.com/xfW7xnxPWl — SAM - The Detective of ZV 🕵🏻‍♂️ (@Samhds2) April 6, 2023

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n