Assustador: Moro e Ciro Nogueira tem dúvidas sobre voto em Dino pra o STF Assustador: Moro e Ciro Nogueira tem dúvidas sobre voto em Dino pra o STF Assustador: Moro e Ciro Nogueira tem dúvidas sobre voto em Dino pra o STF Pular para o conteúdo principal

Assustador: Moro e Ciro Nogueira tem dúvidas sobre voto em Dino pra o STF

O ministro da Justiça, Flávio Dino (PSB-MA), iniciou na última semana uma série de encontros nos corredores do Senado Federal, visando conquistar os votos necessários para sua aprovação como ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). A votação está programada para o dia 13, após a sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Uma análise conduzida pelo site O Globo, envolvendo todos os 81 senadores, sugere um cenário de votação possivelmente acirrado, embora o nome de Dino já conte com metade do apoio necessário. Dos parlamentares consultados, 24 afirmaram que votarão a favor, enquanto 36 ainda não decidiram. Dado o caráter secreto da votação, espera-se que muitos dos senadores indecisos (19) ou que não responderam à consulta (17) eventualmente se alinhem com a base de apoio.


Dino intensificou reuniões com lideranças e procurou os gabinetes de todos os 81 senadores para discussões. Seu principal desafio reside em conquistar votos da oposição, especialmente entre os senadores bolsonaristas. O Partido Liberal (PL), liderado por Jair Bolsonaro, é o que apresenta maior resistência, com nove dos 12 senadores contatados pelo jornal declarando voto contrário.

O Republicanos, presente na Esplanada dos Ministérios com Silvio Costa Filho, ministro de Portos e Aeroportos, também demonstra resistência, com três dos quatro senadores votando contra a indicação de Dino ao STF, incluindo figuras como Damares Alves (Republicanos-PR) e Hamilton Mourão (Republicanos-RS). Entre os indecisos encontra-se o ex-juiz federal da Lava-Jato, Sergio Moro (União Brasil-PR), que aguardará a sabatina para tomar posição.

Segue a lista completa dos 19 senadores que ainda não decidiram seu voto: 

Sergio Moro (União-PR)
Oriovisto Guimarães (Podemos-PR)
Angelo Coronel (PSD-BA)
Ciro Nogueira (PP-PI)
Mecias de Jesus (Republicanos-RR)
Sérgio Petecão (PSD-AC)
Fernando Farias (MDB-AL)
Vanderlan Cardoso (PSD-GO)
Nelsinho Trad (PSD-MS)
Soraya Thronicke (Podemos-MS)
Jayme Campos (União-MT)
Margareth Buzetti (PSD-MT)
Efraim Filho (UNIÃO-PB)
Fernando Dueire (MDB-PE)
Chico Rodrigues (PSB-RR)
Dr. Hiran (PP-RR)
Ivete da Silveira (MDB-SC)
Giordano (MDB-SP)
Professora Dorinha Seabra (União-TO)

Além disso, veja a lista dos 17 senadores que não responderam sobre sua posição na indicação de Dino:

Davi Alcolumbre 
União-AP)
Alessandro Vieira (MDB-SE)
Lucas Barreto (PSD-AP)
Esperidião Amin (PP-SC)
Rodrigo Cunha (Podemos-AL)
Leila Barros (PDT-DF)
Rodrigo Pacheco* (PSD-MG)
Tereza Cristina (PP-MS)
Zequinha Marinho (Podemos-PA)
Flávio Arns (PSB-PR)
Romário(PL-RJ)
Styvenson Valentim (Podemos-RN)
Astronauta Marcos Pontes (PL-SP)
Mara Gabrilli (PSD-SP)
Eduardo Gomes (PL-TO)
Irajá (PSD-TO)
Cid Gomes (PDT-CE)

*Rodrigo Pacheco, por ser presidente do Senado, só vota em caso de empate, não informando ainda sua postura diante do cenário.

MeioNorte.com
VOCÊ PODE NOS AJUDAR COM DOAÇÕES DE QUALQUER VALOR ATRAVÉS DO PIX:EMAIL:JORNALDADIREITAONLINE@OUTLOOK.COM

Postagens mais visitadas deste blog

Gigante atacadista fechará suas últimas 24 lojas e encerrará suas atividades no Brasil

A rede atacadista Makro encerrará suas atividades no Brasil, fechando as últimas 24 lojas ainda em atividade no país. Foram 50 anos de história em solo brasileiro, ultrapassando a marca de 50 lojas espalhadas por vários estados. Nos últimos anos, a empresa repassou 30 lojas para o Atacadão, captando R$ 1,95 bilhão com a venda. Agora, a empresa contratou o Santander para encontrar um comprador para as lojas remanescentes e espera obter R$ 2 bilhões, de acordo com o Estadão. A rede Makro é administrada pelo grupo holandês SHV que desistiu de competir com outras redes atacadistas disponíveis no Brasil. Além desta razão, segundo a reportagem, é que a matriz já deixou de atuar como varejista na Europa há mais de 20 anos e também está encerrando suas lojas na Ásia e na África. Pleno News

Homem interrompe Globo ao vivo em velório de crianças em Blumenau: “Sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês, vagabundos”; ASSISTA AO VÍDEO

O velório das quatro crianças que morreram no ataque à creche em Blumenau ocorre ao longo desta quinta-feira (6), na cidade catarinense.  Durante uma entrada ao vivo do repórter Felipe Sales na TV Globo em frente ao cemitério, um homem interrompeu a transmissão. “O sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês, seus vagabundos”, disse, batendo palmas ao lado do repórter. Homem interrompe Globo ao vivo em velório de crianças em Blumenau e dispara: ‘Sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês’ #GloboLixo pic.twitter.com/xfW7xnxPWl — SAM - The Detective of ZV 🕵🏻‍♂️ (@Samhds2) April 6, 2023

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n