Projeção no Cristo Redentor mostra palavra "paz" em vários idiomas Projeção no Cristo Redentor mostra palavra "paz" em vários idiomas Projeção no Cristo Redentor mostra palavra "paz" em vários idiomas Pular para o conteúdo principal

Projeção no Cristo Redentor mostra palavra "paz" em vários idiomas


 Na noite de segunda-feira (9/10), o Cristo Redentor recebeu uma projeção com a palavra "paz" escrito em vários idiomas. A iniciativa ocorreu em solidariedade às vítimas do conflito entre Israel e o grupo extremista terrorista Hamas, que já se estende por quatro dias. Ao todo, 1670 pessoas morreram.


A projeção foi feita pelo Santuário Arquidiocesano Cristo Redentor. “Vivemos tempos difíceis, guerras urbanas, guerras entre países, e nós somos chamados a ser testemunhas da paz. O Cristo Redentor, mediador entre nós, a todos ilumine”, disse o arcebispo do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta.

A iniciativa em busca da paz mundial vai ao encontro do posicionamento do papa Francisco. Segundo o pontífice, a "guerra é uma derrota". “Expresso a minha proximidade às famílias das vítimas, rezo por elas e por todos aqueles que vivem horas de terror e angústia. Por favor, parem com os ataques e as armas. E se compreenda que o terrorismo e a guerra não levam a nenhuma solução, mas apenas à morte e ao sofrimento de muitas pessoas inocentes. A guerra é uma derrota: toda guerra é uma derrota! Rezemos pela paz", disse o papa.

O conflito

O Hamas atacou Israel de surpresa no sábado (7/10) deixando mais de 900 mortos no país. Pelo menos um brasileiro morreu no conflito. Ranani Glazer, de 23 anos, estava desaparecido desde sábado (7/9), quando a festa em que estava, a poucos metros da Faixa de Gaza, foi atacada. Ele foi encontrado morto na segunda (9/10).

Em resposta, Israel lançou um sistemático bombardeio na Faixa de Gaza. Neste terça (10/10), o país anunciou um ataque em larga escala contra o grupo, com mais de 200 alvos sendo bombardeados na Faixa de Gaza.

FONTE: Correio Braziliense

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado