Ex-vereador petista que invadiu igreja e foi cassado, mas salvo pelo STF, se encaminha para nova cassação Ex-vereador petista que invadiu igreja e foi cassado, mas salvo pelo STF, se encaminha para nova cassação Ex-vereador petista que invadiu igreja e foi cassado, mas salvo pelo STF, se encaminha para nova cassação Pular para o conteúdo principal
;

Ex-vereador petista que invadiu igreja e foi cassado, mas salvo pelo STF, se encaminha para nova cassação

O sujeito é despudorado e totalmente sem condições de conviver em um ambiente democrático. Não respeita nada, nem ninguém, mas estranhamente parece ter a proteção do sistema.

Quando vereador de Curitiba foi cassado duas vezes pela Câmara Municipal. Conseguiu recuperar o cargo, graças a intervenção nefasta do Supremo Tribunal Federal (STF), através do ministro Luis Roberto Barroso.


Agora, deputado estadual, caminha para responder ao seu segundo processo de cassação, em menos de 10 meses de mandato.

A revista Crusoé publicou matéria esclarecendo o assunto:

“O deputado estadual Renato Ferreira (PT-PR) deve se encaminhar para responder ao segundo processo de quebra de decoro parlamentar em menos de dez meses no cargo dentro da Assembleia Legislativa do estado. Desta vez, ele é acusado de ofender diretamente o presidente da Corte, Ademar Traiano (PSD).

Freitas foi alvo de uma fala racista durante sessão nesta quarta-feira (11). Seu discurso foi interrompido por evangélicos na casa, enquanto uma mulher na plateia ameaçou ‘tirar piolho do seu cabelo’. O que era uma rusga entre o parlamentar e a plateia acabou virando uma rusga entre ele e Traiano, quando este não permitiu que seu tempo fosse restituído.

O petista chamou a plateia, que o interrompeu, de ‘hipócritas religiosos’ , ao que foi rebatido por Traiano. ‘Não há nenhum hipócrita aqui dentro’, ele respondeu. O clima só esquentou de verdade quando Renato gritou, com os microfones desligados, que o presidente da Casa ‘não era rei’, o que enfureceu Traiano.

Agora, vídeos e a íntegra do debate devem ser compilados e encaminhados à Corregedoria da Casa. O relatório apresentado pelo órgão motivará a Alep a abrir ou não um processo de quebra de decoro parlamentar contra Renato Freitas.

Não seria um caso de todo inédito: no início do ano, ele já escapou de um julgamento na casa. Freitas era acusado de insultar o governador do estado, Ratinho Jr. (PSD), além de fazer críticas ao empresário Luciano Hang, das Lojas Havan. O petista havia afirmado, em plenário, que o empresário teria rifado a própria mãe para experimentos laboratoriais ao negar a vacina da Covid-19. Após depoimentos de ministros de Lula, a denúncia foi arquivada.

Se o caso chegar ao plenário com a recomendação pela cassação, será a segunda vez que Freitas vai encarar o julgamento dos seus pares. Em 2022, como vereador de Curitiba, o petista teve o mandato cassado por ter invadido uma igreja no Centro de Curitiba. Dias depois, Luís Roberto Barroso, do STF, anulou a decisão política dos vereadores da capital paranaense. Alguns acreditam que foi justamente este processo de cassação que impulsionou a votação do petista, no ano passado, para a Assembleia Legislativa do Paraná.”

Jornal da Cidade

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado