Apoio de Valdemar a desafeto que gritava fora Bolsonaro gera clima tenso no PL Apoio de Valdemar a desafeto que gritava fora Bolsonaro gera clima tenso no PL Apoio de Valdemar a desafeto que gritava fora Bolsonaro gera clima tenso no PL Pular para o conteúdo principal
;

Apoio de Valdemar a desafeto que gritava fora Bolsonaro gera clima tenso no PL

O presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto, foi alvo de uma nova onda de críticas de apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro ao declarar apoio à pré-candidatura de Lucas Sanches, ex-membro do Movimento Brasil Livre (MBL), para a prefeitura de Guarulhos (SP) nas eleições de 2024. 

Nas redes sociais, o dirigente é acusado por influenciadores de tentar “destruir Bolsonaro” e de promover “politicagem suja e mercenária”. Nenhum nome de peso dentro do partido endossou publicamente os ataques até o momento. O vereador alega que a reação se baseou em vídeo montado.

Um dos críticos à decisão do PL foi o o ex-secretário de Comunicação do governo de Jair Bolsonaro, Fabio Wajngarten. Sem citar o nome de Valdemar ou de Sanches, ele afirmou que atuará contra a sua candidatura.

 “Tem um gênio de Guarulhos que xingava e desprezava o presidente e agora quer o apoio dele para a eleição”, escreveu ele. “Ninguém faz a mínima lição de casa? Ninguém pesquisa nada? Não rola. Vou manobrar contra”. Wajngarten é cotado para representar o partido na chapa do prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), pré-candidato à reeleição.


O principal material em circulação nas redes bolsonaristas mostra vídeo de Lucas Sanches com a camiseta do MBL de Guarulhos dizendo a frase “primeiramente, fora Bolsonaro”. O conteúdo segue com a declaração recente de apoio de Valdemar Costa Neto e a inscrição “mais um surfista”. Influenciadores com milhares de seguidores ajudaram a impulsionar a crítica. A assessoria de comunicação do político afirmou ao Estadão que o material foi “editado de forma maldosa” para prejudicá-lo.

Sanches publicou trecho maior do vídeo em suas redes sociais, onde é possível entender que ele critica manifestações políticas de professores em sala de aula. No trecho, como exemplo, afirma que não seria adequado um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) abrir uma sessão dizendo a frase em questão.

A declaração de apoio de Valdemar Costa Neto a Sanches ocorreu após evento partidário realizado em Mauá (SP), ainda na sexta-feira, 27. “Vamos com Lucas. Está fechado”, afirmou a jornalistas. Em seguida, garantiu que Bolsonaro entrará na campanha. “O Bolsonaro vai trabalhar para o 22”, disse.

Sanches é vereador em Guarulhos e atua sob a alcunha de “fiscal do povo”, comum a políticos outsiders do interior. Eleito pelo Progressistas, ele já anunciou que trocará a sigla pelo PL e vem dando entrevistas dizendo contar com o apoio de Bolsonaro. Faz parte de uma leva de políticos que surgiram no MBL e se aproximaram do bolsonarismo de olho nas eleições municipais. Outro a protagonizar o movimento foi Fernando Holiday, vereador da capital que se filiou ao PL em julho, com a benção de Bolsonaro.


 

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado