Todos do Governo de Canequinha na Mão em Nova Iorque Implorando R$ 10 Bilhões Pela Venda da Amazônia Todos do Governo de Canequinha na Mão em Nova Iorque Implorando R$ 10 Bilhões Pela Venda da Amazônia Todos do Governo de Canequinha na Mão em Nova Iorque Implorando R$ 10 Bilhões Pela Venda da Amazônia Pular para o conteúdo principal
;

Todos do Governo de Canequinha na Mão em Nova Iorque Implorando R$ 10 Bilhões Pela Venda da Amazônia

 



Ao chegar à Bolsa de Nova York para o seminário Brazil on Focus, da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e da Fiesp, a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, afirmou que o governo brasileiro espera captar, pelo menos, R$ 10 bilhões em títulos verdes, ou green bonds, que o país lançará num futuro próximo para atração de investimentos. 

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, que evita falar em números, mencionou no meio da entrevista na chegada ao evento, que o prazo de lançamento de títulos verdes pode ocorrer em “setembro ou outubro”.

“É um começo, o Brasil pode captar muito mais, mas quem vai decidir valores é o Tesouro. A receptividade é a melhor possível”, disse Haddad, para em seguida, perguntado sobre a agendas em curso, como a reforma tributária e os projetos que incrementam a arrecadação, mencionar o prazo dos títulos: “As agendas são complementares. Tem o orçamento de 2024, a reforma tributária, o PL do crédito de carbono, o projeto do combustível do futuro foi para a Câmara semana passada, tem a emissão dos títulos verdes programada para setembro, outubro, está tudo caminhando no cronograma estabelecido, não há atrasos”, disse o ministro, que, assim como todo o governo brasileiro está dedicado a passar confiança aos investidores, especialmente, segurança jurídica, considerado o maior entrave pelos grandes fundos. “Principal é a reforma tributária, a maior insegurança que o Brasil oferece hoje é o caos tributário. Ninguém sabe quanto deve, quanto tem a receber, é um horror”, disse.

Paralelamente aos eventos da ONU, que será aberta amanhã com um discurso do presidente Lula, o seminário, na Bolsa de Nova York, é considerado um dos eventos mais importantes das agendas de Marina e do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, no sentido de passar “segurança jurídica” e confiança na evolução do “ambiente de negócios”, conforme lembrou o presidente da CNI, Robson Andrade. Na abertura, além do presidente da CNI, falaram há pouco o presidente da Fiesp, Josué Alencar, o presidente da Câmara, Arthur Lira, o do Senado, Rodrigo Pacheco, e o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande.

Tanto Lira, quanto Pacheco se disseram engajados no esforço da transição energética e da reforma tributária, “medida de racionalização” da cobrança de impostos no país e a economia verde. “Com a pauta do desenvolvimento sustentável, o Brasil tem oportunidade impar”, diz. “Precisamos de apoio e colaboração”, disse o presidente do Senado, que concluiu sua fala mencionando Chico Mendes. “Primeiro, pensei que estava lutando pelas seringueiras. Depois, pela floresta. Depois, pela humanidade”. O presidente da Fiesp também se mostra otimista com o que tem visto a respeito do Brasil: “Ontem, no jantar, dizíamos, esta é a década do Sul global. O Brasil está aberto para negócios. Tem uma sociedade aberta, jovem, que ama a democracia”.


FONTE: Correio Brasiliense

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado