Senado recorre para derrubar decisão de André Mendonça Senado recorre para derrubar decisão de André Mendonça Senado recorre para derrubar decisão de André Mendonça Pular para o conteúdo principal
;

Senado recorre para derrubar decisão de André Mendonça



O presidente da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) do 8 de Janeiro, deputado Arthur Maia (União Brasil-BA), afirmou nesta 3ª feira (19.set.2023) que a Advocacia Geral do Senado Federal recorreu da decisão do ministro André Mendonça, do STF, que permitiu Osmar Crivelatti, ex-ajudante de ordens de Jair Bolsonaro (PL), faltar ao depoimento na comissão.

“Obviamente que nós já recorremos dessa decisão ainda na madrugada de ontem para hoje a Advocacia Geral do Senado, sob nossa orientação, já fazer esse recurso. Já solicitei também audiências tanto ao ministro André quanto ao ministro Kássio quanto a presidente Rosa Weber”, disse Maia durante reunião da CPI.

Maia declarou que pedirá aos ministros e à presidente da Corte que a decisão seja analisada pelo Supremo.

“Se um ministro do Supremo Tribunal Federal se acha com direito, com poder, de dar uma liminar para alguém não comparecer à CPI e por conseguinte desmoralizando essa CPI, esvaziando, obstruindo essa CPI, obviamente que nós estamos brincando de fazer CPI”, disse.

Arthur Maia afirmou que pedirá ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), e ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), a apresentação de uma ADPF (Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental) para questionar ao STF sobre a possibilidade de ministros desautorizarem convocações aprovadas pela CPI.

A relatora da CPI, senadora Eliziane Gama (PSD-MA), também criticou o habeas corpus concedido por André Mendonça, que atendeu ao pedido da defesa de Crivelatti. Segundo ela, a medida é “lamentável” e uma “indevida interferência de Poder sobre outro”.

Na semana passada, o ministro Nunes Marques também autorizou a ex-subsecretária de Inteligência da Segurança Pública do Distrito Federal, Marília Alencar, a faltar a seu depoimento. O Advocacia do Senado recorreu dessa decisão, mas o pedido ainda não foi atendido.

Tanto Marques quanto Mendonça foram indicados por Bolsonaro para assumir as vagas no Supremo Tribunal Federal.

Osmar Crivelatti foi 1 dos alvos da operação Lucas 12:2 da PF(Polícia Federal), deflagrada em 11 de agosto. As buscas foram autorizadas pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes.

Os agentes investigam se houve tentativa de vender presentes entregues a Bolsonaro por delegações estrangeiras. Segundo a PF, relógios, joias e esculturas foram negociados nos Estados Unidos –veja aqui as fotos dos itens e leia neste link a íntegra do relatório da PF. O suposto esquema seria comandado por Mauro Cid e Crivelatti.

Poder 360

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado