Posse de Barroso dá espaço à plateia LGBT, negra e feminina Posse de Barroso dá espaço à plateia LGBT, negra e feminina Posse de Barroso dá espaço à plateia LGBT, negra e feminina Pular para o conteúdo principal

Posse de Barroso dá espaço à plateia LGBT, negra e feminina


 A posse do ministro Luís Roberto Barroso como presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), e de Edson Fachin como vice, reuniu defensores dos direitos de pessoas negras, mulheres e também do casamento homoafetivo. É uma demonstração da visão mais plural de mundo que o novo comando da Corte deve adotar.

Entre os convidados, o Diretor-Presidente da Aliança Nacional LGBTI, Toni Reis, que tirou da bolsa uma bandeira com as cores do arco-íris na hora da foto com o ministro após uma longa fila de cumprimentos.

Ao abraçá-lo, Barroso perguntou sobre o marido de Toni, David Harrad. Os dois têm histórico reconhecido na luta pelos direitos dos gays, como na adoção de filhos por casais homoafetivos.

“Barroso sempre foi muito gentil. Agora temos um ministro, presidente ‘bandeiroso’. Ele está conosco nessa luta”, disse. Em 2011, o pedido que provocou o STF a reconhecer o casamento entre pessoas do mesmo gênero foi proposto Barroso, ainda advogado.

Em outro ponto do plenário, ativistas negros também comemoraram a chegada de Barroso ao comando do STF: José Vicente, advogado e reitor da Universidade Zumbi dos Palmares; a filósofa Djamila Ribeiro; Preto Zezé, dirigente da Central Única das Favelas (Cufa); e Edilene Lobo, primeira mulher negra a ser ministra do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A estreia de Edilene Lobo na corte eleitoral também aconteceu nesta quinta-feira (28). À CNN, a magistrada disse estar na expectativa da escolha de mais ministras negras no Judiciário.

“O ministro Barroso magnetiza ao realçar o que transborda de urgência nesse país, quando o assunto envolve o direito de maiorias minorizadas pelo esquecimento: que o verbo constitucional mandou igualar e tratar a todas as pessoas com o mesmo respeito e consideração”, destacou.

Outra imagem que também chamou atenção foi a presença das únicas mulheres que até hoje ocuparam assento no Supremo Tribunal Federal: Ellen Grace, Carmen Lúcia e Rosa Weber, que se aposenta na próxima segunda-feira (2).

No discurso, Barroso defendeu mais participação de mulheres nos tribunais, com critérios de promoção que levem em conta a paridade de gênero e, também, aumentar a diversidade racial.

Comumente apontado como um ministro de ideais progressistas, em seu discurso de posse, o presidente Roberto Barroso ressalvou que defender os direitos das minorias é uma questão humanitária. “A quem ache que todas essas causas são causas progressistas. Não são. Essas são as causas da dignidade humana”, disse.

FONTE: Basília Rodrigues - CNN

Postagens mais visitadas deste blog

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n

Thiago Pavinatto se pronuncia após saída da Jovem Pan

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22) . A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Em alguns posts nas redes o apresentador comentou o seguinte: "Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. Eu jamais, JAMAIS, pediria desculpas por me revoltar contra um desembargador que inocentou um pedófilo septuagenário argumentando que a criança estuprada era prostituta e drogada. Não fui demitido: disse, com paz de espírito, que preferia perder o contrato a perder a decência. Essa é a versão oficial da minha saída da Jovem Pan. — Pavinatto (@Pavinatto) August 23, 2023

Herói sem capa: Policial enfrenta sozinho trio de criminosos que mantinham família refém e salva todos, (Veja o Vídeo)

Imagens de câmera de monitoramento mostram o momento em que um brigadiano sozinho salva um casal e uma criança feitos reféns durante assalto na noite de terça-feira (1º) em Estância Velha.  O confronto aconteceu uma agropecuária na Rua Walter Klein, no bairro Bela Vista. Nas cenas, o policial militar aparece armado em uma área externa da agropecuária. Em seguida, dois criminosos saem segurando as vítimas, que são seguidas por um cordeiro. "Foi uma situação inédita para mim", diz policial que salvou família refém de assalto em agropecuária de Estância Velha Criminoso que morreu após ser baleado durante assalto com reféns em Estância Velha usava tornozeleira eletrônica No momento em que os criminosos se aproximam de um carro estacionado em frente ao local, o policial se distancia em meio à rua. Os criminosos tentam embarcar com os reféns, mas o agente dispara um tiro em direção ao carro. O delegado de Estância Velha, Rafael Sauthier, explica que uma policial teria chegado