Negócios de família, mas o dinheiro é "nosso"!!! Negócios de família, mas o dinheiro é "nosso"!!! Negócios de família, mas o dinheiro é "nosso"!!! Pular para o conteúdo principal

Negócios de família, mas o dinheiro é "nosso"!!!

 


Provavelmente você não conhece Joãozinho Pereira ou seu irmão, o Deputado Estadual Fernando Pereira (PP-AL). Talvez conheça se for de uma dessas regiões, Barra dos Coqueiros (Recife - AL) ou a localidade conhecida como Junqueiro (AL).

Caso o contrário, é bem provável que nunca tenha ouvido falar nesses personagens, mas os irmãos Pereira ganharam R$ 1,1 milhão de ninguém menos que Arthur Lira (PP-AL), presidente da Câmara dos Deputados Federais, aliado do mandatário petista e "primo" dos Pereira.

Os irmãos pertencem a uma empresa familiar, "Grupo Pereira" onde as sócias Zirlene Pereira (mãe dos dois) e sua irmã, a ex-deputada Jó Pereira. O Grupo Pereira é o responsável por obras de pavimentação realizada pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (CODEVASF) na localidade de Atoleiro, no município de Junqueiro (AL).

Para tanto tiveram seu custo coberto com recursos do chamado "orçamento secreto" destinados por Lira, como ele mesmo confirmou ao Supremo Tribunal Federal (STF), e como já noticiado anteriormente em outras situações, como vem demonstrando, o STF é bem benevolente com o atual governo e seus aliados.

Segundo o jornal O Globo, desses R$ 1,1 milhão serão empregados em serviços de pavimentação, de acordo com o contrato original quem executa o serviço é Vibal Construções e Serviços, no entanto, em 27 de maio deste ano os irmãos Joãozinho e Fernando celebram o início da obra em cima de um trator do Grupo Pereira, identificado por um adesivo na lateral do veículo.

O sócio administrador da Vibal, Ivandi Brilhante de Araújo Jr., admitiu ter alugado o maquinário pela Vibal e justificou que não valeria mobilizar equipamento próprio para a região, uma vez que a sede é em Barra dos Coqueiros, em Sergipe, 160 km longe de Junqueiro.
Já foram destinados por Lira R$ 7,2 milhões para obras da CODEVASF em cidades alagoanas.

"Não faz parte das minhas funções institucionais avaliar o uso de um maquinário, se faz parte da obra ou se foi utilizado apenas para ilustrar uma ação." afirmou Lira ao ser questionado.

"Pedidos como o apresentado por meu primo, Fernando Pereira, para destinar emendas à obra no povoado Atoleiro, integram a dinâmica da política cotidiana e podem ser feitos em reuniões, palanques, em visitas in loco", afirmou Lira

Leandro Silva (MDB-AL) atual prefeito de Junqueiro e aliado do senador Renan Calheiros (MDB), é adversário politico de Lira e dos irmãos Pereira.
Joãozinho articula uma candidatura a prefeito em 2024, e busca usar as obras da CODEVASF como plataforma eleitoral no município,

A região de Junqueiro é reduto eleitoral de Lira e sua família há anos.

VOCÊ PODE NOS AJUDAR COM DOAÇÕES DE QUALQUER VALOR ATRAVÉS DO PIX:EMAIL:JORNALDADIREITAONLINE@OUTLOOK.COM

Postagens mais visitadas deste blog

Gigante atacadista fechará suas últimas 24 lojas e encerrará suas atividades no Brasil

A rede atacadista Makro encerrará suas atividades no Brasil, fechando as últimas 24 lojas ainda em atividade no país. Foram 50 anos de história em solo brasileiro, ultrapassando a marca de 50 lojas espalhadas por vários estados. Nos últimos anos, a empresa repassou 30 lojas para o Atacadão, captando R$ 1,95 bilhão com a venda. Agora, a empresa contratou o Santander para encontrar um comprador para as lojas remanescentes e espera obter R$ 2 bilhões, de acordo com o Estadão. A rede Makro é administrada pelo grupo holandês SHV que desistiu de competir com outras redes atacadistas disponíveis no Brasil. Além desta razão, segundo a reportagem, é que a matriz já deixou de atuar como varejista na Europa há mais de 20 anos e também está encerrando suas lojas na Ásia e na África. Pleno News

Homem interrompe Globo ao vivo em velório de crianças em Blumenau: “Sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês, vagabundos”; ASSISTA AO VÍDEO

O velório das quatro crianças que morreram no ataque à creche em Blumenau ocorre ao longo desta quinta-feira (6), na cidade catarinense.  Durante uma entrada ao vivo do repórter Felipe Sales na TV Globo em frente ao cemitério, um homem interrompeu a transmissão. “O sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês, seus vagabundos”, disse, batendo palmas ao lado do repórter. Homem interrompe Globo ao vivo em velório de crianças em Blumenau e dispara: ‘Sangue do meu sobrinho está nas mãos de vocês’ #GloboLixo pic.twitter.com/xfW7xnxPWl — SAM - The Detective of ZV 🕵🏻‍♂️ (@Samhds2) April 6, 2023

Jovem Pan baixa a cabeça e demite Thiago Pavinatto, (Veja o Vídeo)

O apresentador Tiago Pavinatto, do programa Linha de Frente e Os Pingos nos Is, foi demitido da Jovem Pan nesta terça-feira (22). A demissão ocorreu após o advogado e comentarista político se recusar a pedir desculpas a um desembargador que foi chamado por ele de “vagabundo tarado”. Nesta segunda (21), Pavinatto comentou a decisão do desembargador Airton Vieira, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), de ter inocentado um acusado de estupro contra uma menina de 13 anos. Exaltado com a notícia, Pavinatto ofendeu o magistrado e, mesmo a emissora pedindo para que ele se desculpasse, o profissional se negou. – A direção da casa está pedindo uma retratação ao desembargador Airton Vieira e eu não vou fazer. E eu deixo claro aqui: eu não vou fazer uma retratação para uma pessoa que ganha dinheiro público, livra um pedófilo, e ainda chama a vítima, de 13 anos de idade, de vagabunda – declarou. E continuou: – Eu me nego a fazer. Estou sendo cobrado insistentemente a me retratar. Eu n