Omar Aziz debocha das manifestações e sugere desafiar hackers a invadir urna eletrônica, (Veja o Vídeo)
Caso queira nos ajudar a manter nosso site faça uma doação diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

Omar Aziz debocha das manifestações e sugere desafiar hackers a invadir urna eletrônica, (Veja o Vídeo)


O senador Omar Aziz, presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, sugeriu ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, que desafie os maiores hackers do Brasil a tentar fraudar uma urna eletrônica.

– Eu até sugiro ao Ministro Barroso que pegue os maiores hackers no Brasil e entregue uma máquina dessa [urna eletrônica], o Presidente [Jair Bolsonaro] pode levar lá quem ele quiser. 

Pega o pessoal do IME [Instituto Militar de Engenharia], pega aquele cidadão que estava ao lado dele [coronel Eduardo Gomes da Silva] e que mostrou aquele vídeo, [dizendo] que aquilo era prova de fraude, coloca lá: “Olha, está aqui. Vamos ver se você consegue realmente fraudar isso aqui”. Duvido que consigam! – disparou Aziz em referência à live em que o presidente prometeu comprovar fraudes nas urnas.

A declaração foi feita durante a sessão desta terça-feira (3) da CPI da Covid. Na ocasião, o senador ainda acusou o presidente de questionar o voto eletrônico apenas para tirar o foco dos reais problemas do Brasil.

– Hoje a grande discussão, veja só… Nós estamos há uma semana, [numa situação em que estão] morrendo [os] brasileiros, desemprego em alta, economia patinando, um caos, e a discussão que estão levando para tirar o foco dos grandes problemas brasileiros é em relação a uma coisa que já estava consolidada, que era o voto eletrônico! Será que ninguém percebe que isso é uma estratégia para que os grandes problemas… – declarou o senador sem completar a frase.

Aziz ainda criticou as manifestações em favor do voto impresso e disse que gostaria de ver manifestações de seguidores de Bolsonaro aplaudindo a Educação, Saúde e o crescimento de empregos.

– Não, não é isso. As manifestações hoje são sobre negócio de voto eletrônico, criando uma discussão, um embate entre o Supremo Tribunal Federal com o Chefe da Nação, como se nada estivesse acontecendo para o Chefe da Nação – apontou.

Confira as declarações do presidente da Comissão:

Assista a partir de 8:27:24

*Pleno News

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem