Mandetta já admiti que pode desistir de pré-candidatura em 2022
Caso queira nos ajudar a manter nosso site faça uma doação diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

Mandetta já admiti que pode desistir de pré-candidatura em 2022




Nesta quinta-feira (1º), o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta disse que pode abandonar a pré-candidatura à presidência da República em 2022. Em entrevista ao Valor Econômico, Mandetta disse pensar na possibilidade de desistência em prol da “unificação do país”.

– Se a gente conseguir construir um polo de pessoas que têm como ponto comum a democracia, o meio ambiente, a educação, enfim… E que estejam dispostas a se modernizar, a se reciclar, a se repaginar, é a única coisa que posso oferecer. 

Inclusive o meu não oferecimento. Inclusive a minha não candidatura para que haja uma unificação do país. É o que ofereço hoje: tudo de mim ou nada de mim – declarou.


Mandetta foi um dos nomes aclamados pelo Movimento Brasil Livre (MBL) na última quinta-feira (25) como um candidato de “terceira via”, evitando um possível segundo turno entre Lula e Bolsonaro.

Os governadores João Doria, de São Paulo e Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, assinaram um texto em conjunto com Mandetta, Ciro Gomes, Luciano Huck e João Amoêdo alegando ser necessário defender o Brasil do autoritarismo. Todos os nomes que assinaram o texto nesta quarta-feira (31) são possíveis concorrentes de Bolsonaro em 2022 na disputa eleitoral. Saiba mais sobre este assunto clicando aqui.

*Pleno News

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem