Justiça dá 72 horas para que Bolsonaro explicar troca de comando da Petrobras
Caso queira nos ajudar a manter nosso site faça uma doação diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

Justiça dá 72 horas para que Bolsonaro explicar troca de comando da Petrobras




O juiz da 7ª Vara Federal Cível de Minas Gerais André Prado de Vasconcelos deu 72 horas para que o presidente Jair Bolsonaro explique a troca de comando da Petrobras. A informação é do Metrópoles.


O pedido de manifestação está em uma ação popular, com pedido de liminar, que tenta impedir a saída do atual presidente Roberto Castello Branco.

A ação foi impetrada pelos advogados Gabriel Senra da Cunha Pereira e Daniel Perrelli.


“Intimem-se os réus tão-somente para manifestação, no prazo de 72 horas, sobre o pedido de liminar, articulando, de forma concisa e objetiva, as razões e argumentos que entender pertinentes e relevantes à discussão da causa”, escreveu o juiz.

*Gazeta Brasil

4 Comentários

  1. Quando roubavam a Petrobras não vimos nenhuma arguição sobre isto.....É uma vergonha para a classe de advogados e da justiça este tipo de causidico....

    ResponderExcluir
  2. Que porra é essa. Quem são esse FDP que estão questionando o Presidente. É direito, é.prerrogativa dele a nomeação de que ele quiser para a presidência da Petrobrás, dos reitores das universidades e tudo o mais que lhe compete. Que sacanagem é essa.Qual o partido FDP que está por traz disso. PT, PSOL, PCdoB , quem...??

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Se eu fosse o presidente respondia em poucas linhas que não aceita ingerência injusticada na administração federal e mandava uma banana para o juiz.

    ResponderExcluir
Postagem Anterior Próxima Postagem