Bolsonaro ‘não extrapolou limites’ com decreto de armas
Caso queira nos ajudar a manter nosso site faça uma doação diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

Bolsonaro ‘não extrapolou limites’ com decreto de armas



O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), comentou, nesta segunda-feira (15), os decretos do presidente Jair Bolsonaro que alteraram algumas regras relacionadas a armas de fogo no Brasil.

Em entrevista à jornalista Andréia Sadi, da GloboNews, o parlamentar avalia que a edição do decreto é uma prorrogativa do presidente e que Bolsonaro “não invadiu a competência” do Poder Legislativo.


A declaração ocorre após o vice-presidente da Câmara, Marcelo Ramos (PL-AM), criticar as mudanças promovidas na questão das armas e afirmar que a medida deveria ser promovida por um projeto de lei.

Para Lira, no entanto, Bolsonaro “não extrapolou limites” e qualquer excesso pode ser corrigido.

– Ele não invadiu competência, não extrapolou limites já que, na minha visão, modificou decretos já existentes. É prerrogativa do presidente. Pode ter superlativado na questão das duas armas para porte, mas isso pode ser corrigido – ressaltou.


O presidente da Câmara também foi questionado sobre qual deveria ser a prioridade do governo no momento atual.

– É de cada um. É pauta dele. A minha prioridade eu já deixei claro que é vacina – destacou.

*Pleno News

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem