Bolsonaro aponta ironia da CNN em ter quadro Liberdade de Opinião
Caso queira nos ajudar a manter nosso site faça uma doação diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

Bolsonaro aponta ironia da CNN em ter quadro Liberdade de Opinião


O presidente Jair Bolsonaro comentou sobre a saída do jornalista Alexandre Garcia da emissora CNN Brasil. Durante evento de lançamento de linha de crédito da Caixa nesta segunda-feira (27), o chefe do Executivo criticou a postura da emissora e os motivos que levaram à demissão do profissional.

Cada vez mais nos preocupamos hoje em dia com liberdade. Assisti na semana passada a algo estarrecedor. Numa grande rede de televisão, num quadro conhecido como Liberdade de Opinião, um famoso jornalista foi demitido por sua opinião. Não tem coisa mais absurda do que isso. Para onde estamos caminhando? – declarou.

De acordo com nota da CNN Brasil, Alexandre Garcia foi demitido na última sexta-feira (24) do quadro Liberdade de Opinião por “reiterar a defesa do tratamento precoce contra a Covid-19 com o uso de medicamentos sem eficácia comprovada”.

Em sua justificativa, o jornalista veterano afirmou que “tem que praticar” aquilo que ele prega fora da emissora para seus alunos e seguidores.

– Me perguntaram na sexta sobre a CPI da Covid, vacinação e tratamento. Não podia decepcionar aqueles que foram meus alunos ao longo de todos os anos. Se eu digo uma coisa, eu tenho que praticar. E digo: não aluguem a sua cabeça, pensem. Que seu cérebro não seja abduzido. 

Não permitam que professores façam lavagem cerebral, que o medo dos colegas te encolha e [você] não tenha pensamento próprio. Você pode até me contrariar. Cada um tem seu pensamento. O que não pode ser normal é que a pessoa seja um rebanho, acéfalo – declarou Garcia.
Fonte: Pleno news

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem