CPI agora quer indiciar Bolsonaro por ‘charlatanismo’ na pandemia
Caso queira nos ajudar a manter nosso site faça uma doação diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

CPI agora quer indiciar Bolsonaro por ‘charlatanismo’ na pandemia


A CPI da Covid-19 decidiu nesta quarta-feira (11) que irá solicitar ao Ministério Público Federal o indiciamento do presidente Jair Bolsonaro pelos crimes de curandeirismo, charlatanismo, de epidemia e de publicidade enganosa.

A decisão foi tomada após reunião entre o presidente da comissão, senador Omar Aziz (PSD-AM), o vice-presidente, Randolfe Rodrigues, e o relator, Renan Calheiros (MDB-AL).

Segundo Calheiros, a cúpula da comissão chegou a esta decisão após o depoimento do diretor da farmacêutica Vitamedic, Jailton Barbosa. Em sua oitiva, ficou evidente que a empresa custeou a publicidade da ivermectina como medicamento com eficácia contra a Covid-19, o que nunca ficou comprovado mesmo após pesquisas.

Por causa disso, a cúpula da CPI entendeu que o presidente, por ter defendido o uso do medicamento em algumas ocasiões, deve ser responsabilizado. 

Para isto, os senadores reuniram sete vídeos em que Bolsonaro aparece elogiando o remédio, incluindo lives, conversas com apoiadores e discursos. Os fabricantes da ivermectina também serão enquadrados.

*Pleno News

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem