Por clamar por liberdade nas ruas, ditadura Cubana condena adolescente a prisão
Caso queira nos ajudar a manter nosso site faça uma doação diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

Por clamar por liberdade nas ruas, ditadura Cubana condena adolescente a prisão



Gabriela Zequeira tem 17 anos, foi condenada a oito meses de prisão em um dos julgamentos sumários que aconteceram na ilha após protestos recentes contra o governo, segundo relatos de sua mãe e de um centro de apoio legal.

Segundo os relatos, a adolescente recebeu a sentença de prisão na quinta-feira (22) depois de ser julgada por cerca de seis horas por “desordem pública” junto a outros 11 réus, afirmou à BBC News sua mãe Yoanis Hernández, que testemunhou o julgamento.

Ela disse ainda que não sabe para onde sua filha foi transferida após o julgamento, que em sua opinião foi feito sem apresentar provas de que Zequeira tenha participado das manifestações de 11 de julho, as maiores em Cuba em várias décadas.

“Quando o julgamento acabou, eles me deixaram vê-la por três minutos. A única coisa que pude fazer foi abraçá-la e beijá-la, mais nada”, acrescentou.

A mãe especificou que adolescente foi presa por “vespas negras”, como são conhecidos em Cuba os integrantes da Brigada Nacional Especial do governo cubano, que nesta semana foi sancionada pelos Estados Unidos por “reprimir” manifestantes.

“Um segurou o braço dela, o outro pelo pescoço, eles a puxaram pelos cabelos e a colocaram dentro do caminhão”, disse Hernández.

Ela acrescentou que desde então não pôde ver ou falar com sua filha até o julgamento de quinta-feira, sobre o qual só foi informado na noite de terça-feira.
*Gazeta Brasil

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem