Irmão de Luis Miranda agora diz que não lembra se mostrou invoice a Bolsonaro
Caso queira nos ajudar a manter nosso site faça uma doação diretamente, através do PayPal, clique no botão abaixo

Irmão de Luis Miranda agora diz que não lembra se mostrou invoice a Bolsonaro



O servidor do Ministério da Saúde, Luis Ricardo Miranda, irmão do deputado federal Luis Miranda (DEM-DF), disse em depoimento à Polícia Federal (PF) que não lembra se ele e seu irmão mostraram ao presidente Jair Bolsonaro, em um encontro no dia 20 de março, a invoice (nota fiscal de compras no exterior) que comprovaria as supostas irregularidades na compra da Covaxin.

A fala de Luis Ricardo aos agentes da PF é incompatível com a declaração dada por seu irmão à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, no último dia 25 de junho, quando o deputado Luis Miranda afirmou que o documento foi mostrado ao presidente da República.

O depoimento do servidor da Saúde, realizado no dia 14 de julho, foi tomado no âmbito do inquérito que apura se o presidente Jair Bolsonaro teria cometido crime de prevaricação por ter recebido denúncias de supostas irregularidades nas negociações para compra da vacina indiana Covaxin e não ter dado andamento a elas.

O deputado federal Luis Miranda, irmão do servidor, também já foi chamado a depor no curso dessa investigação. Seu depoimento está agendado para esta terça-feira (20), também em Brasília.

*Pleno News

1 Comentários

  1. Da próxima vez vai alegar que nem se lembra de ter dito ou presenciado alguma coisa em relação à vacinas e propinas...
    Vai alegar que também não sabe o que foi fazer na cpi do circo armado!
    Devia ter sido preso juntamente com o seu comparsa de sangue.

    ResponderExcluir
Postagem Anterior Próxima Postagem